País anuncia instalação de centrífugas nucleares

O governo iraniano afirmou ontem que iniciou a instalação de uma nova geração de centrífugas em Natanz, sua principal unidade de enriquecimento de urânio, há um mês. O procedimento desafia pedidos das Nações Unidas para que o país cesse essa atividade. No mesmo dia, o Irã declarou que concordou em "alguns pontos" de uma possível negociação sobre seu programa nuclear com a Agência Internacional de Energia Atômica - da ONU -, indicando que ambos os lados falharam ao finalizar o acordo de diálogo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.