País Basco e Galícia escolhem parlamentos regionais

A Galícia e o País Basco vão às urnas neste domingo escolher seus respectivos parlamentos regionais, um teste-chave para a luta do primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, contra a crise econômica e o aumento das tensões separatistas. Os colégios eleitorais já estão abertos.

Agência Estado

21 de outubro de 2012 | 09h21

No País Basco, o Partido Nacionalista Basco (PNV, na sigla em espanhol) poderá eleger a maioria dos 75 deputados e nomear o "lehendakari" (presidente).

Na Galícia, onde estão em jogo também 75 cadeiras, o Partido Popular (PP) de Rajoy e do atual presidente regional, Alberto Núñez Feijóo, poderá perder o parlamento para os socialistas galegos e o Bloque Nacionalista Galego (BNG), coalizão de partidos nativistas. As informações são da Dow Jones. (Renan Carreira - renan.carreira@estadao.com)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.