País também foi vítima de hackers chineses

Francis Delons, secretário de Defesa Nacional da França, ligado ao gabinete do primeiro-ministro François Fillon, afirmou ontem que a França também foi alvo de ataques cibernéticos chineses. Nas últimas semanas, Alemanha, EUA e Grã-Bretanha acusaram Pequim de invadir computadores de seus governos. Até agora, a China negou todas as acusações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.