Palestina adia eleições marcadas para janeiro

As eleições presidenciais e legislativas palestinas, previstas para o dia 20 de Janeiro, foram adiadas até que as tropas israelenese deixem as zonas autônomas, anunciou hoje a Autoridade Palestina (AP). Um comunicado da AP divulgado em Ramalah informa que "a direção palestina decidiu adiar as eleições até a retiradas de Israel dos territórios reocupados, conforme a lei eleitoral". Já na sexta-feira, a comissão eleitoral palestina tinha recomendado ao presidente da autoridade da Palestina, Yasser Arafat, o adiamento das eleições, considerado que o ato eleitoral "não podia realizar-se sob a ocupação e debaixo de um estado de sítio".

Agencia Estado,

22 Dezembro 2002 | 13h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.