Palestino morre durante tiroteio em Nablus

Um palestino morreu e outro ficou ferido durante tiroteio contra o Exército israelense na manhã desta quarta-feira em Nablus, na Cisjordânia. Segundo informações dos médicos, a vítima era Ibrahim Abú Awash, um militante do Hamas procurado pelas tropas israelenses. Na casa onde Awash foi morto, armas foram encontradas. O palestino ferido foi preso. Ainda nesta quarta, outros 15 palestinos foram detidos nos distritos de Hebron e Belém, cidades da Autoridade Nacional Palestina (ANP) sob a ocupação israelense. O Exército israelense se retirou do centro de Belém durante as celebrações natalinas, mas o cerco à cidade e a seus habitantes continua. Arafat - A Missa do Galo foi celebrada nesta quarta-feira na Basílica da Natividade, em Belém, sem a presença do presidente da Autoridade Palestina, Yasser Arafat. É o segundo ano consecutivo que Arafat é impedido pelo Governo de Israel de comparecer às festividades em Belém. Mas uma cadeira com o nome de Arafat e o tradicional kefiah, tradicional turbante árabe usado por ele, estava reservada na Basílica. Já o prefeito da cidade, Hanna Nasser, um palestino cristão, que esteve ausente no ano passado em solidariedade ao líder palestino, esteve na Missa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.