Palestinos pedem que ONU proteja Arafat

Em resposta à ameaça feita pelo vice-primeiro ministro de de Israel, de eliminar ou exilar o líder Yasser Arafat, milhares de palestinos chegaram ao quartel da Autoridade Palestina, em Ramallah para o quarto dia de luta, dizendo que o líder, de 74 anos ?é uma montanha que não pode ser sacudida?. Os palestinos pediram ao Conselho de Segurança da ONU que intervenha para proteger Arafat.No sábado Arafat pediu a Israel que retome as negociações para pôr fim à violência que nos últimos três anos matou cerca de 800 israelenses e 1.500 palestinos. O secretário de Estado dos Estados Unidos, Colin Powell disse que exilar ou matar Arafat provocaria a fúria não só do árabes, mas também dos muçulmanos em todo o mundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.