Palestinos protestam contra ataques dos EUA

Milhares de palestinos protestaram hoje contra os ataques liderados pelos Estados Unidos contra o Afeganistão, promovendo duas passeatas na Cisjordânia e cantando "Bush é o pai do terrorismo". Em Jerusalém, o ministro das Relações Exteriores de Israel, Shimon Peres, manteve conversações com dois negociadores do alto escalão palestino sobre como implementar o acordo que estabeleceu uma trégua entre os dois lados, firmado no dia 26 de setembro. Ambas as partes lamentam-se de sérias violações. Nas cidades de Nablus e Ramallah, ativistas importantes do movimento Fatah, do líder palestino Yasser Arafat, participaram hoje de passeatas contra os EUA, apesar dos esforços do governo de Arafat para abafar este tipo de protesto. Leia o especial

Agencia Estado,

12 Outubro 2001 | 12h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.