Palestinos voltarão do Egito para Gaza através de Israel

Eles vão chegar à faixa através da passagem de Kerem Shalom, na tríplice fronteira

Agencia Estado

03 Julho 2007 | 15h26

Milhares de palestinos que fugiram para o território egípcio do Sinai após o levante do Hamas na Faixa de Gaza poderão retornar para suas casas a partir de desta terça-feira, 3, após um acordo fechado entre Egito e Israel. Os palestinos, que em sua maioria se encontram nos arredores da cidade fronteiriça de Rafah, chegarão à faixa através da passagem de Kerem Shalom, na tríplice fronteira entre Israel, Egito e o território palestino, informa o jornal israelense Ha´aretz. Perto da passagem fica também o centro de controle israelense do terminal de Rafah, onde os serviços de segurança de Israel verificam quem entra na Faixa quando o terminal egípcio-palestino está aberto. O terminal de Rafah está fechado há mais de um mês devido ao violento conflito em Gaza e à queda do território nas mãos do Hamas. Ficaram do lado egípcio da fronteira cerca de 4 mil civis palestinos, segundo o jornal. O acordo para resolver a situação de emergência foi negociado pelo presidente egípcio, Hosni Mubarak, e pelo primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, na cúpula de Sharm el-Sheikh, na semana passada. Olmert atendeu um pedido de Mubarak para resolver a crise humanitária. Mas a abertura de Kerem Shalom será temporária.

Mais conteúdo sobre:
Gaza Israel palestinos Egito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.