Papa Bento XVI reza último Angelus e diz que não abandonará Igreja

Dezenas de milhares acompanharam bênção na Praça de São Pedro; pontificado termina nesta quinta-feira

AE, Agência Estado

24 de fevereiro de 2013 | 09h21

Em sua última oração do Ângelus como pontíficie, o Papa Bento XVI deu a bênção final de seu pontificado neste domingo da janela de seu quarto para os aplausos de dezenas de milhares de pessoas presentes na Praça de São Pedro, na Cidade do Vaticano.

O papa disse que não "está abandonando a Igreja", apesar da renúncia ao papado, que se encerrará na quinta-feira (dia 28). Bento XVI afirmou que, ao invés disso, ele servirá à Igreja com a mesma dedicação que teve até agora, mas o fará de uma maneira "mais adequada à minha idade e minha força".

Bento XVI, de 85 anos, passará seus últimos anos rezando, meditando e em reclusão em um monastério na Cidade do Vaticano, na Itália. Antes, o papa fará sua última aparição pública, na próxima quarta-feira (dia 27), na Praça de São Pedro. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Bento XVIoração

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.