Fernando Llano/AP
Fernando Llano/AP

Papa chega a Quito para nova viagem pela América do Sul

Pontífice foi recebido pelo presidente do Equador, Rafael Correa, e sua esposa

EFE

05 de julho de 2015 | 18h02

EFE - O papa Francisco chegou neste domingo, 5, a Quito, capital do Equador, a primeira etapa do tour sul-americano que o levará também à Bolívia e ao Paraguai.

O avião do papa, um Airbus 330-200 da companhia Alitalia, pousou às 14h44 locais (16h44 em Brasília) no aeroporto internacional Mariscal Sucre. O pontífice foi recebido pelo presidente do país, Rafael Correa, e sua esposa, Anne Malherbe.

O papa, que perdeu seu solidéu por causa do forte vento, cumprimentou crianças vestidas com trajes típicos que carregavam bandeiras do Vaticano e do Equador.

Francisco foi levado em um veículo fechado até os arredores de Quito, onde usará o papamóvel para percorrer as ruas que o levarão até a sede da Nunciatura, onde descansará de sua viagem.

Ele viajará amanhã para Guayaquil, onde visitará o santuário da Divina Misericórdia, celebrará uma missa campal no parque Samanes e almoçará com os jesuítas no Colégio Xavier.

Francisco voltará no mesmo dia a Quito e percorrerá o centro histórico da capital. Depois, será recebido por Correa no palácio de Carondelet, sede do Executivo, visitando na sequência à Catedral Metropolitana.

Já na terça-feira, o papa se reunirá com bispos, celebrará uma grande missa no parque bicentenário - onde antes funcionava o aeroporto internacional de Quito -, terá um encontro com representantes de setores da educação em uma universidade local e se reunirá com a sociedade civil na igreja San Francisco.

Ainda na terça, visitará à noite da Igreja da Companhia, da ordem dos jesuítas, situada a poucos metros de San Francisco, no centro histórico de Quito, declarado em 1978 como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e a Cultura (Unesco).

Na quarta-feira, o pontífice irá ao Asilo das Irmãs da Caridade e depois se deslocará ao santuário do Quinche, onde realizará um encontro com o clero, religiosos e seminaristas. Às 12h, Francisco deixa o Equador rumo à Bolívia, onde passará pelas cidades de La Paz e Santa Cruz de la Sierra.

A última fase desse périplo pela América do Sul será no Paraguai, país com maior proporção de católicos da região. 


Tudo o que sabemos sobre:
Papa FranciscoEquador

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.