Papa condena atentados e reza pelas vítimas

O papa João Paulo II condenou hoje os atentados terroristas contra os Estados Unidos e disse que rezará pelas vítimas dos ataques. A informação é da assessoria de imprensa do Vaticano. De acordo com as informações, o pontifície enviou um telegrama de apoio ao presidente norte-americano, George W. Bush. "O Santo Padre está sendo informado constantemente sobre os fatos desta enorme tragédia. Desde o primeiro momento ele tem orado ante Deus para que outorgue repouso eterno para as numerosas vítimas e conforto para as suas famílias", afirmou o porta voz da Santa Sede, Joaquín Navarro Valls.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.