Papa encerra férias e antecipa volta a Roma

O papa João Paulo II retomou sua agenda normal nesta quinta-feira e voltou para o Vaticano, deixando sua residência de verão, Castel Gandolfo, nas colinas ao sul de Roma, um dia antes do previsto. Autoridades da Igreja não explicaram a antecipação do fim das férias do pontífice, e que nenhum comunicado oficial sobre a saúde do pontífice seria emitido. No entanto, deram a entender que a viagem era um sinal de que João Paulo II está recuperado da indisposição que o impediu de comparecer à audiência geral de ontem.Nesta quinta-feira o papa cumpriu todas as atividades programadas, reunindo-se com bispos das Filipinas, o prefeito e outras autoridades de Castel Gandolfo para a despedida tradicional. Na noite de quarta-feira, ele também manteve audiências em particular com alguns funcionários da residência.O noticiário italiano informa que o papa poderá nomear novos cardeais neste domingo, para permitir que participem das celebrações dos 25 anos do reinado de João Paulo II. Pela tradição, cardeais são empossados cerca de 30 dias após a nomeação. Fontes do Vaticano não quiseram confirmar a notícia, sugerindo que o papa ainda não decidiu a data da nomeação.Os cardeais com menos de 80 anos e portanto aptos a votar para escolher um novo papa são 109 atualmente - onze abaixo do máximo permitido para um conclave.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.