Tony Gentile / Reuters
Tony Gentile / Reuters

Papa Francisco receberá Raúl Castro no Vaticano neste domingo

Essa será a segunda visita de um presidente cubano ao Vaticano; pontífice intermediou as conversas entre Havana e EUA

O Estado de S. Paulo

05 de maio de 2015 | 16h04


CIDADE DO VATICANO - O papa Francisco e o presidente cubano, Raúl Castro, se encontrarão neste domingo no Vaticano, informou um porta-voz da Santa Sé nesta terça-feira, 5. O encontro ocorrerá quatro meses antes do pontífice viajar pela primeira vez pelo Caribe como líder da Igreja Católica.

Segundo o porta-voz Federico Lombardi, Francisco receberá Raúl pela manhã de domingo e o encontro será "extremamente privativo", não uma visita de Estado oficial.

Essa será a segunda visita de um presidente cubano ao Vaticano. Em novembro de 1996, Fidel Castro - então no poder - visitou o papa João Paulo II e os dois deram um histórico aperto de mãos. Em 1998, pela primeira vez um papa viajou à Cuba. João Paulo II visitou a ilha e sua mensagem se tornou famosa: "que Cuba se abra ao mundo e o mundo se abra à Cuba".

A relação entre Havana e a Santa Sé passaram por momentos de crise e tensões desde os primeiros anos da Revolução Cubana, mas as relações diplomáticas existem desde 1935.

O papa Francisco foi intermediário das conversas entre Raúl e o presidente americano, Barack Obama, que levaram à retomada de relações diplomáticas entre os dois países, anunciada em dezembro.

No mês passado, o Vaticano havia afirmado que o papa visitaria Cuba em setembro - após ter recebido um convite de Havana e da Igreja Católica Romana de Cuba -, antes de fazer uma visita aos EUA. /AFP e EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.