Papa Francisco tem novo número 2 no Vaticano

O papa Francisco nomeou nesta terça-feira o arcebispo Pietro Parolin para o posto de secretário de Estado do Vaticano, segundo posto mais importante na hierarquia da Igreja Católica.

AE, Agência Estado

15 de outubro de 2013 | 12h13

Aos 58 anos, Parolin sucede o cardeal Tarcísio Bertone, responsabilizado por observadores por grande parte dos erros e problemas ocorridos durante o papado de Bento XVI.

Em cerimônia realizada no Palácio Apostólico, Francisco agradeceu a Bertone pelos serviços prestados e deu as boas-vindas a Parolin, um diplomata de carreira que desde 2009 atuava como núncio na Venezuela.

O arcebispo, no entanto, não esteve presente à própria posse por causa de uma cirurgia menor, mas urgente, a que teve de ser submetido enquanto visitava a família no Veneto. A expectativa é de que ele assuma efetivamente o cargo dentro de algumas semanas, quando estiver recuperado.

A substituição indica uma mudança tangível na hierarquia vaticana. O mandato de Bertone foi controverso, atingindo seu ápice no ano passado, quando documentos de Bento XVI foram roubados pelo mordomo papal.

Entre outras crises cujas responsabilidades são amplamente atribuída a Bertone figuram a reabilitação de um bispo que negava o Holocausto e a reação do Vaticano aos escândalos de abuso sexual de menores por sacerdotes católicos em 2010. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Vaticanopapa Francisco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.