AP | 05.08.2015
AP | 05.08.2015

Papa Francisco viajará para Quênia, Uganda e República Centro-Africana em novembro

Pontífice já havia expressado o desejo de visitar o continente há alguns meses, mas teve que adiar a viagem em razão da epidemia de ebola

O Estado de S. Paulo

10 Setembro 2015 | 12h49

CIDADE DO VATICANO.- O papa Francisco visitará Quênia, Uganda e República Centro-Africana entre os dias 25 e 30 de novembro, confirmou a assessoria de imprensa do Vaticano nesta quinta-feira, 10.

A primeira viagem do pontífice ao continente africano, de acordo com a nota, começará no Quênia, de 25 a 27 de novembro, depois seguirá para Uganda, entre os dias 27 a 29, e terminará na República Centro-Africana no dia 30.

O Vaticano explicou que o programa da viagem, que incluiu o Quênia no último momento, será divulgado em breve.

Foi o próprio papa que revelou no dia 12 de junho, em um encontro com sacerdotes, a viagem à República Centro-Africana e à Uganda em novembro, e a possibilidade de incluir uma parada no Quênia.

O desejo do pontífice de visitar a África é antigo, como ele mesmo explicou em entrevista coletiva no voo de volta das Filipinas. Papa Francisco reconheceu que esta viagem estava demorando um pouco em razão da epidemia de ebola, e que seria encontrada uma data ideal para suportar o clima na região.

O arcebispo de Bangui (capital da República Centro-Africana), Dieudonné Nzapalainga, já havia confirmado há alguns meses a visita do papa em novembro e antecipado que o pontífice visitaria a mesquita que foi destruída "durante os sangrentos enfrentamentos entre as milícias 'cristãs' dos anti-Balaka e os rebeldes islâmicos dos Séléka" há dois anos.

De acordo com o arcebispo, esta viagem terá grande importância para a convivência entre as religiões e, principalmente, contra a guerra que devastou e continua a afetar o continente.

Desde que chegou ao Vaticano, em março de 2013, o papa já esteve várias vezes na Ásia, na América Latina e na Europa, mas nunca na África. Entre os dias 19 e 28 de setembro, ele fará uma visita à Cuba e aos EUA. /EFE e AFP

Mais conteúdo sobre:
Papa Francisco Vaticano África

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.