AFP
AFP

Papa Francisco visitará campo de extermínio nazista de Auschwitz no final de julho

Visita faz parte de uma viagem à Polônia que o pontífice fará para um encontro internacional de jovens católicos

O Estado de S. Paulo

09 Junho 2016 | 12h06

CIDADE DO VATICANO - O papa Francisco visitará o campo de extermínio nazista de Auschwitz-Birkenau durante uma viagem à Polônia no dia 29 de julho, informou o Vaticano nesta quinta-feira, 9.

Os dois antecessores imediatos de Francisco, o alemão Bento XVI e o polonês João Paulo II, também visitaram o local durante seus pontificados.

Forças de ocupação da Alemanha nazista estabeleceram o campo de Auschwitz-Birkenau durante a Segunda Guerra Mundial na cidade de Oswiecim, no sul polonês, a cerca de 70 quilômetros de Cracóvia, segunda maior cidade do país.

A visita acontecerá durante uma viagem já agendada do pontífice argentino à Cracóvia para um encontro internacional de jovens católicos. A Polônia continua sendo uma nação fervorosamente católica.

Entre 1940 e 1945, Auschwitz se transformou em um vasto complexo de tendas, oficinas, câmaras de gás e crematórios onde aproximadamente 1,5 milhão de pessoas, a maioria judeus, morreram.

Tropas do Exército Vermelho soviético liberaram o campo no dia 27 de janeiro de 1945. /Reuters

Mais conteúdo sobre:
Papa FranciscoVaticanoAuschwitz

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.