Papa pede a padres que não espantem os pecadores

O papa Francisco pediu neste domingo aos padres católicos que sejam realmente misericordiosos com os pecadores. Muitas vezes, observou o papa, os padres são tão duros com os pecadores que os fiéis sentem como se "a Igreja estivesse fechando a porta na sua cara".

AE, Agência Estado

11 Maio 2014 | 17h09

Na homilia de hoje na Basílica de São Pedro, Francisco afirmou que se sente mal por perceber que muitas pessoas não procuram mais o confessionário porque de alguma forma se sentem "repreendidas" pelos padres.

"Não façam isso", orientou o papa a 13 novos padres ordenados hoje na basílica. Francisco pediu a eles que sigam o exemplo de Jesus e nunca se cansem de ser piedosos. "Lembrem-se que Jesus veio para perdoar, não para condenar", disse ele. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Vaticano papa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.