Papa pede ação decisiva contra abusos sexuais

O papa Francisco afirmou nesta sexta-feira que tentará fazer com que a Igreja Católica atue "com determinação" contra os casos de abuso sexual envolvendo padres e outros integrantes da hierarquia eclesiástica.

AE, Agência Estado

05 de abril de 2013 | 12h44

A pressão do pontífice por uma ação mais decisiva contra os casos de abuso sexual foi feita durante uma reunião com o prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, bispo Gerhard Ludwig Mueller, informou o Vaticano por meio de nota.

"O Santo Padre recomendou que a congregação continue a seguir a linha buscada por Bento XVI, de agir com determinação em relação aos casos de abuso sexual", diz o comunicado da Santa Sé.

Durante o encontro, o papa Francisco abordou medidas para proteger menores de idade, ajudar vítimas de abuso sexual e punir os perpetradores desses atos.

O papa enfatizou ainda que a implementação de medidas nesse sentido pelas conferências de bispos de todo o mundo é essencial para a credibilidade da Igreja Católica. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Vaticanopapa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.