Papa pede ajuda internacional ao Paquistão

Pontífice diz confiar na bondade dos fieis e expressa apoio às vítimas das enchentes

Efe

18 de agosto de 2010 | 09h39

CIDADE DO VATICANO - O papa Bento XVI pediu nesta quarta-feira, 18, à comunidade internacional que envie ajuda humanitária para a população do Paquistão, afetada pelas recentes inundações que devastaram o país.

 

Veja também:

linkONU diz ter metade da verba pedida para o Paquistão

linkChuvas devem diminuir em regiões críticas

mais imagens Galeria de fotos: Chuvas no Paquistão

 

A declaração de Bento XVI foi feita ao término da audiência geral realizada no Palácio Apostólico de Castel Gandolfo, onde passa férias. "Meu pensamento está neste momento com a querida população do Paquistão, afetada recentemente por uma grave enchente, que provocou inúmeras vítimas e deixou muitas famílias sem lar", ressaltou.

 

"Enquanto confio na bondade misericordiosa de Deus aos que desapareceram tragicamente - continuou -, expresso minha proximidade espiritual a seus familiares e a todos os que sofrem com essa calamidade".

 

O papa insistiu no apoio ao Paquistão, pedindo que "não falte aos queridos irmãos, tão duramente afetados, nossa solidariedade e o apoio concreto da comunidade internacional."

 

Bento XVI dedicou o catecismo da audiência de hoje a São Pio X, que "ensina a todos que na base de nossa ação apostólica deve estar sempre uma íntima união pessoal com Cristo, a cultivar, a crescer dia após dia. Essa é a base de todo seu ensinamento".

Tudo o que sabemos sobre:
PaquistãoPapaIgrejaenchentesajuda

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.