Papa pede cessar-fogo em Gaza

O papa Bento XVI declarou nesta quarta-feira que reza pelas vítimas do conflito entre israelenses e palestinos na Faixa de Gaza e manifestou apoio aos esforços diplomáticos para a adoção de uma trégua entre as forças de Israel e do grupo islâmico Hamas. As declarações do pontífice foram feitas durante sua audiência pública semanal no Vaticano.

AE, Agência Estado

21 de novembro de 2012 | 11h36

"O ódio e a violência não são a solução para os problemas", declarou Bento XVI para os aplausos dos peregrinos presentes à audiência.

O papa pediu a israelenses e palestinos que "adotem decisões valorosas em favor da paz" e coloquem um ponto final num conflito que acarreta "repercussão negativa para todo o Oriente Médio". As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.