Papa recebe parentes de vítimas de ataque em Nice

Extremista atingiu pessoas que celebravam o feriado do dia da Queda da Bastilha na cidade da Riviera Francesa em 14 de julho

O Estado de S.Paulo

24 de setembro de 2016 | 09h19

Cidade do Vaticano - O Papa Francisco recebeu familiares de vítimas do ataque ocorrido na cidade de Nice, na França, oferecendo a eles "imensa compaixão" e os encorajando a não responder ao ódio com mais ódio.

O público no Vaticano neste sábado, 24, incluía cristãos, muçulmanos e judeus. O Papa disse que relações fortes entre as religiões poderiam ajudar a "aliviar as feridas desses eventos dramáticos".

O ex-prefeito de Nice trouxe uma cesta com 86 flores para simbolizar as 86 vítimas do ataque ocorrido em 14 de julho no qual um extremista atingiu pessoas que celebravam o feriado do dia da Queda da Bastilha na cidade da Riviera Francesa.

Francisco alertou contra "responder ao ódio com ódio e à violência com violência", mas disse que a tentação para fazê-lo pode ser grande.

Algumas das pessoas mostraram, no encontro, fotos dos parentes mortos e o Papa cumprimentou os participantes um por um. (Associated Press)

Tudo o que sabemos sobre:
Papa FranciscoNice

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.