Paparazzo ''flagra'' relatório ultrassecreto

Um relatório ultrassecreto que listava suspeitos de integrar uma célula da Al-Qaeda na Grã-Bretanha foi fotografado por um paparazzo, depois que o chefe da polícia britânica antiterror acidentalmente deixou o papel à mostra, ao descer de um carro. Após a publicação da foto, a polícia prendeu rapidamente 12 dos suspeitos, todos paquistaneses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.