Paquistaneses pró-taleban exigem fim de apoio aos EUA

Centenas de paquistaneses armados, favoráveis ao Taleban, tomaram hoje uma cidade remota no norte do Paquistão, exigindo que o governo militar paquistanês deixe de apoiar os ataques ao Afeganistão, liderados pelos Estados Unidos. Os rebeldes, armados com lançadores de projéteis, armas Kalashnikov, granadas caseiras e espadas, controlaram a maior parte dos escritórios governamentais de Chilas - a cerca de 350 quilômetros de Peshawar. Enquanto isso, outro grupo de paquistaneses favoráveis aos talebans continuavam a controlar uma parte da Rodovia Karakoram, pelo quarto dia consecutivo - o que vem prejudicando a ligação do Paquistão com a vizinha China. Por enquanto, não houve nenhum comentário por parte das autoridades. O Ministério do Interior do Paquistão vai enviar soldados para expulsar os rebeldes desta cidade montanhosa e liberar a estrada. A região é dominada por tribos da etnia Pashtun, a mesma dos talebans.

Agencia Estado,

28 Outubro 2001 | 19h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.