Paquistão: 46 morrem em ataque de radicais a militares

Centenas de militantes atacaram as forças de segurança do Paquistão numa tensa área tribal na fronteira afegã, provocando combates que deixaram seis soldados e 40 militantes mortos, segundo autoridades militares.Os combates ocorreram no final da noite de sábado na área tribal de Mohmand, um reduto taleban e centro de atividades da Al-Qaeda. Segundo a organização paramilitar Frontier Corps, quase 600 militantes atacaram várias posições militares. Sete soldados teriam ficado feridos. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.