Paquistão detém milicianos que lutaram pelo Taleban

Agentes de segurança detiveram 109 paquistaneses que lutaram ao lado do regime afegão do Taleban quando cruzaram a fronteira, hoje. Os paquistaneses haviam sido capturados pela Aliança do Norte na cidade afegã de Jalalabad e foram libertados ontem, em virtude da festa de Eid al-Firt, que se segue ao Ramadã (o mês sagrado dos muçulmanos).Cobertos de poeira e vestindo suas tradicionais calças largas e túnicas, os paquistaneses estavam visivelmente cansados e abatidos quando caminhavam em direção ao posto fronteiriço de Torkham (Paquistão). Eles foram imediatamente detidos e levados para a cidade vizinha de Landikotal, para serem interrogados pelas forças de segurança e agentes de inteligência paquistaneses.Milhares de paquistaneses se dirigiram ao Afeganistão para lutar o que os clérigos islâmicos chamaram de jihad (guerra santa) contra os Estados Unidos. Acredita-se que centenas deles tenham morrido em ataques perpetrados pelos Estados Unidos ou por forças anti-Taleban.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.