Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Paquistão expulsa repórter da revista do New York Times

Entidades de defesa da liberdade de imprensa denunciam ataques do governo do presidente Pervez Musharraf

REUTERS

12 de janeiro de 2008 | 10h24

Entidades de liberdade de imprensa denunciaram, neste sábado, 12, que o Paquistão expulsou um repórter da revista do jornal New York Times que entrevistou líderes da milícia armada taleban, durante uma visita à província do Baluquistão, na região da fronteira com o Afeganistão (dominada pelos milicianos). Segundo as entidades, tem crescido o ataque do governo do presidente Pervez Musharraf contra os meios de comunicação.   O jornalista Nicholas Schmidle, autor da reportagem "O próximo general taleban", publicada na edição da revista do Times no final de semana passado foi deportado na sexta-feira, 11, informou o Comitê de Proteção a Jornalistas (CPJ, da sigla em inglês). "O artigo continha entrevistas com os líderes talebans contra o governo e foi escrito na tumultuada de Baluquistão e sua capital, Quetta", informava documento distribuído pela organização em sua sede, em Nova York.   Segundo o documento, o editor de Schmidle, Scott Malcomson, explicou que não houve explicação para a expulsão do repórter. O comunicado sustenta que a expulsão de repórter está exclusivamente relacionada à matéria publicada pela Times.   Um funcionário do ministério de Informação diz que o repórter não tinha visto para trabalhar como jornalista no país. "Ele tinha uma bolsa de pesquisa por dois anos aqui e havia visitado áreas delicadas do Baluquistão e, sem permissão, exerceu a função de repórter. Ele não tinha um visto de jornalista", afirmou o funcionário de alto escalão que pede para não ser identificado.

Tudo o que sabemos sobre:
PAQUISTAOEXPULSAREPORTER

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.