Paquistão prende terroristas ligados à Al-Qaeda

O Paquistão anunciou neste sábado que prendeu cinco terroristas ligados à Al-Qaeda que conspiravam para lançar ataques a líderes governamentais, ao Parlamento e à embaixada americana. O ministro da Informação, Rashid Ahmed, disse que as forças de segurança capturaram cinco ou seis suspeitos ? um egípcio e outros paquistaneses ? e apreendeu armas. As autoridades estão em busca de outros cinco.Já o ministro do Interior, Faisal Saleh Hayyat, disse que doze foram presos. Segundo Hayyat, eles planejavam ataques suicidas a personalidades importantes. O grupo tinha planos de atacar a residência oficial do presidente Pervez Musharraf, o Parlamento e a embaixada americana na capital, Islamabad. Eles também queriam atingir alguns ministros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.