Paquistão terá eleição geral em 11 de maio

O Paquistão realizará uma histórica eleição geral em 11 de maio, disse um porta-voz presidencial nesta quarta-feira, depois da primeira conclusão de mandato por parte de um governo na turbulenta história nacional.

Reuters

20 de março de 2013 | 11h20

Uma administração interina assumirá até as eleições, num momento em que o Paquistão enfrenta a violência do Taliban, tensões sectárias, apagões crônicos e fragilidade econômica.

Os Estados Unidos, importantes doadores de ajuda, apesar das tensões com Islamabad nos últimos anos, observarão atentamente o pleito, num país que possui armas nucleares, e onde os militares ditam a política externa em colaboração com poderosas agências de inteligência.

Os militares paquistaneses governaram o país durante mais de metade dos seus 66 anos de história independente, e as relações das Forças Armadas com os líderes civis costumam ser tensas.

(Reportagem de Mehreen Zahra-Malik)

Tudo o que sabemos sobre:
PAQUISTAOELEICAO11DEMAIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.