Paquistão testa com sucesso míssil com capacidade nuclear

Este é o terceiro teste paquistanês de mísseis nucleares de curto alcance nas últimas semanas

Efe,

13 de fevereiro de 2008 | 04h51

O Paquistão testou nesta quarta-feira, 13, "com sucesso" o lançamento de um míssil balístico com capacidade nuclear de curto alcance, o "Ghaznavi Hataf III". O Comando de Força Estratégica de Mísseis (ASFC) dirigiu o lançamento deste projétil com um alcance de 290 quilômetros em presença do primeiro-ministro interino do Paquistão, Mohammedmian Soomro, e do chefe do Exército, Ashfaq Pervez Kiyani. O teste pôs fim à campanha de treinamento militar de inverno, na qual as Forças Armadas paquistanesas testaram seu armamento e desenvolveram exercícios táticos, segundo a nota. Durante o teste, Soomro felicitou os militares por terem conseguido "altos níveis de treinamento e preparação profissional", segundo o comunicado. Além disso, o premiê interino afirmou que o Paquistão está orgulhoso com o fato de suas forças armadas e seus cientistas terem conseguido desenvolver e operar "poderosa capacidade nuclear de dissuasão". Este é o terceiro teste paquistanês de mísseis nucleares nas últimas semanas, com os lançamentos do projétil balístico "Shaheen 1", em 25 de janeiro, e do "Ghauri Hataf-V", no dia 1º de fevereiro. O Paquistão mantém com a Índia uma forte tensão militar desde sua independência do Reino Unido, em 1947; os dois países competem em uma corrida de armamento com freqüentes testes de mísseis.

Mais conteúdo sobre:
Paquistãoteste nuclear

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.