Para Bush, situação em Faluja está "voltando ao normal"

O presidente dos EUA, George W. Bush, disse acreditar que a maior porção da cidade iraquiana de Faluja está voltando ao ?normal?, a despeito dos três dias de batalha entre fuzileiros americanos e rebeldes, incluindo pesados bombardeios aéreos. Os combates e a instabilidade não levarão a um adiamento da posse do governo provisório iraquiano, prevista para 30 de junho, segundo Bush. ?Há bolsões de resistência e nossos militares, juntamente com os iraquianos, garantirão que (o país) esteja seguro?.O presidente fez essas declarações depois de se reunir com o primeiro-ministro da Suécia, Goeran Persson.Tiros e explosões continuam a ser ouvidos em Faluja nesta quarta-feira. Ontem houve lá uma batalha intensa, com aviões e artilharia dos EUA bombardeando a cidade numa demonstração de força contra os rebeldes, refugiados numa favela. Segundo Bush, porém, ?a maior parte de Faluja está voltando ao normal?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.