Para lembrar

A imagem do premiê britânico, Gordon Brown, ficou bastante danificada no ano passado após um escândalo envolvendo parlamentares que utilizaram dinheiro público para pagar despesas pessoais. As denúncias prejudicaram todos os partidos, mas golpearam principalmente os trabalhistas, no poder desde 1997. O escândalo forçou a saída de pelo menos cinco ministros do gabinete de Brown. O apoio ao premiê foi abalado ainda mais em junho, quando seu partido terminou em terceiro lugar na votação para o Parlamento Europeu - seu pior desempenho desde 1910.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.