Para líder do Hamas, conferência ''''já nasce morta''''

O líder do Hamas, Ismail Haniyeh, disse ontem que a conferência de paz de Annapolis, EUA, de terça-feira, "já nasceu morta" e não trará benefício aos palestinos. O presidente palestino, Mahmud Abbas, e o rei Abdulá, da Jordânia, reuniram-se ontem no Egito com o presidente Hosni Mubarak para definir posições durante a conferência e pedir a participação dos países árabes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.