Ron Sachs/Efe
Ron Sachs/Efe

Para Obama, resultado das urnas em 2012 será 'avaliação' de seu trabalho

Presidente dos EUA considera que eleitores vão julgar sua capacidade de liderança nas eleições

Assocaited Press e Reuters

20 de julho de 2011 | 21h24

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta quarta-feira, 20, que as eleições presidenciais de 2012 serão um momento de avaliação dos seus quatro anos como líder americano. Obama afirmou que será reeleito caso os eleitores sintam que ele esteve ao seu lado durante o mandato.

 

Obama considerou que os eleitores avaliarão sua capacidade de liderança, mas acrescentou que o outro candidato, do partido republicano, "não é irrelevante". Segundo o presidente americano, o resultado apontado nas urnas dependerá de como eleitores avaliarem seu trabalho. As declarações foram feitas durante uma entrevista na televisão.

 

As taxas de aprovação de Obama decaíram desde que ele tomou posse, no início de 2009, por causa da alta taxa de desemprego e de outros fatores econômicos, como o elevado preço dos combustíveis. Por outro lado, o presidente tem desfrutado de bons índices de confiança após a morte do terrorista Osama bin Laden, responsável pelos ataques terroristas contra o World Trade Center.

 

Obama ainda não sabe qual candidato enfrentará em 2012. O Partido Republicano realiza as disputas primárias ainda este ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.