Para Seul, fundos no BDA serão liberados na próxima semana

O negociador sul-coreano para a crise nuclear, Chun Yung-woo, disse nesta quinta-feira, 26, que o problema dos fundos da Coréia do Norte no Banco Delta Asia (BDA), em Macau, pode ser resolvido na próxima semana, informa a agência sul-coreana Yonhap.Chun, que chegou nesta quinta-feira a Seul depois de uma viagem a Washington, explicou que as consultas entre os países envolvidos no problema vão bem. Ele espera que o assunto seja resolvido na "próxima semana".A Coréia do Norte possui US$ 25 milhões em várias contas em Macau, congeladas durante 19 meses pelos Estados Unidos sob a acusação de serem fruto de lavagem de dinheiro.Os fundos foram descongelados em março, mas "problemas técnicos" estão atrasando a transferência do dinheiro para o governo norte-coreano.O ministro de Relações Exteriores sul-coreano, Song Mins-soon, disse na quarta-feira que o problema do BDA havia entrado em sua última fase.Durante sua viagem de quatro dias aos EUA, Chun se reuniu com seu colega americano, Christopher Hill, e o conselheiro de Segurança presidencial americano, Jack Crouch.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.