Para Uribe, oito anos é pouco para recuperar Colômbia

Oito anos ou dois mandatos não são suficientes para recuperar a segurança e a paz da Colômbia, afirmou hoje o presidente colombiano Álvaro Uribe. Ele está se aproximando de concluir o seu segundo mandato e ainda sem definição pública sobre se buscará um terceiro governo.

AE-AP, Agencia Estado

12 de fevereiro de 2010 | 16h31

"Oito anos é pouco tempo para que um país, que, em 200 anos de vida independente, teve apenas 47 anos de paz. É pouco tempo para recuperar a segurança", disse Uribe em entrevista à Rádio Z.

"Oito anos é apenas um princípio, um país que precisa recuperar a redução da pobreza, que está conseguindo grandes avanços na educação, na saúde, é um país que com oito anos apenas começa" a se recuperar, afirmou o mandatário ao ser consultado pela rádio se oito anos eram suficientes.

A Justiça colombiana debate atualmente se é constitucional ou não uma lei aprovada pelo Congresso no final do ano passado, para convocar um referendo no qual os colombianos se pronunciarão a favor ou contra da reforma da Constituição para permitir uma segunda reeleição para presidente.

Uribe, com 57 anos, há mais de um ano não responde se quer ou não participar de uma segunda reeleição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.