Parada do Orgulho Gay reúne milhares no centro de Tel Aviv

Cidade é uma das poucas do Oriente Médio onde homossexuais podem se expressar com liberdade

Associated Press

08 de junho de 2012 | 17h50

 

TEL AVIV - Drag queens estavam dançarinos entre os milhares de pessoas que lotaram as ruas do centro de Tel Aviv nesta sexta-feira, 8, para a parada anual do orgulho gay da cidade israelense.

 

O desfile chega à sua 14ª edição em 2012. As tradicionais bandeiras coloridas se misturavam entre as fantasias dos participantes, que cantavam e festejavam. Tel Aviv é uma das poucas cidades do Oriente Médio onde homossexuais podem andar de mãos dadas e beijar livremente em público.

 

Neste ano, uma enquete no site Gaycities elegeu Tel Aviv como o melhor destino do mundo para o turismo gay, à frente até de Amsterdã e São Francisco.

 

Os homossexuais têm permissão para servir abertamente no Exército de Israel. Eles também gozam de uma série de direitos garantidos pelo Parlamento e pela Suprema Corte, como seguro de vida e herança. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.