Parlamento antecipa eleição para fevereiro

O Parlamento israelense anunciou ontem que as eleições presidências devem ser antecipadas para o dia 10 ou 17 de fevereiro. Em ambos os cenários, a decisão deixa apenas três meses para a realização da campanha eleitoral. Tzipi Livni, do partido governista Kadima, lidera as pesquisas. O oposicionista Likud apresentará a candidatura de Benjamin Netanyahu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.