Parlamento da Austrália aprova sanções à Coréia do Norte

Austrália aprovou a legislação necessária para cumprir a resolução do Conselho de Segurança da ONU que impôs sanções à Coréia do Norte pelo teste nuclear realizado em outubro passado, anunciou nesta terça-feira o Parlamento. O ministro de Relações Exteriores, Alexander Downer, afirmou que a lei aprovada pelo Parlamento inclui sanções comerciais e restrições às possibilidades de viajar ao país. "Recomendo que qualquer pessoa que esteja estudando relações comerciais ou de qualquer tipo verifique antes como opera o regime de sanções e busque assessoria legal independente antes de tomar qualquer decisão", alertou Downer, num comunicado. O Conselho de Segurança da ONU adotou por unanimidade a resolução 1718, segundo a qual seus membros imporão sanções diplomáticas e econômicas à Coréia do Norte. Elas incluem o veto às exportações de produtos de luxo, armas de destruição em massa e algumas armas convencionais.

Agencia Estado,

14 Novembro 2006 | 03h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.