Parlamento da Escócia proíbe caça à raposa

O Parlamento escocês aprovou hoje uma lei proibindo a caça à raposa. Após mais de seis horas de debate, os deputados escoceses aprovaram, por 83 votos a 36, a Lei de Proteção aos Mamíferos Selvagens, acabando com uma tradição de séculos na Escócia. Caçadores de raposas fizeram uma série de protestos horas antes da aprovação da lei. Mais de mil pessoas, com 150 cavalos e cães de caça, de toda a Escócia reuniram-se em Kelso, na fronteira com a Inglaterra, para participar de uma caçada em massa. Alguns manifestantes foram até o Parlamento. Um deles foi preso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.