Parlamento da Venezuela retoma atividades após briga

O Parlamento da Venezuela retomou as atividades nesta terça-feira depois de uma paralisação de três semanas causada por uma briga entre os deputados.

AE, Agência Estado

22 de maio de 2013 | 04h09

Ainda que nenhum soco tenha sido deferido, as fortes discussões refletiram a profunda polarização do país desde a morte do antigo líder, Hugo Chávez, e disputada eleição presidencial do mês passado.

Os parlamentares da oposição, que reivindicam que o sucessor de Chávez, Nicolás Maduro, conquistou a eleição por fraude, pediram uma investigação sobre a briga do dia 30 de abril na Assembleia Nacional.

A oposição também usou a sessão de terça-feira para pedir uma investigação sobre uma gravação de áudio que, segundo eles, revela a influência cubana nos bastidores do governo chavista. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
venezuelaparlamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.