Parlamento do Canadá é alvo de protesto do Greenpeace

Dezenove membros do Greenpeace realizam um protesto no telhado do prédio do Parlamento em Ottawa, no Canadá, onde estenderam uma faixa dizendo "Parem de Explorar as Areias Betuminosas". A porta-voz do Greenpeace, Jessica Wilson, disse que a ação coincide com a abertura, hoje, da conferência climática da Organização das Nações Unidas (ONU) em Copenhague.

AE-AP, Agencia Estado

07 de dezembro de 2009 | 15h06

Catorze pessoas estão no topo do prédio da ala oeste e os demais estão na entrada do Senado para o prédio do bloco central. Policiais e seguranças estão no local para fazer com que os manifestantes desçam do telhado.

Autoridades da indústria calculam que a exploração de petróleo nas areias betuminosas no norte de Alberta possa render ao menos 175 bilhões de barris de petróleo, tornando o Canadá o segundo país em reservas de petróleo bruto, depois da Arábia Saudita. Mas o processo de extração produz grande quantidade de gases de efeito estufa, responsáveis pelas mudanças climáticas.

Tudo o que sabemos sobre:
CanadáGreenpeaceParlamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.