Parlamento espanhol aprova abdicação do rei Juan Carlos

O Parlamento da Espanha aprovou nesta quarta-feira lei apresentada com urgência ao Legislativo que permitirá ao rei Juan Carlos abdicar do trono ainda neste mês em favor de seu filho, o príncipe herdeiro Felipe.

Agência Estado

11 de junho de 2014 | 10h05

A lei foi aprovada por 299 votos a 19, com 23 abstenções. Vários legisladores de esquerda protestaram segurando faixas nas quais exigiam um referendo sobre a abolição da monarquia no país. Pequenos partidos regionais e grupos de esquerda se abstiveram ou votaram contra e muitos deles também pediram o referendo.

A legislação conta com o apoio da maioria dos integrantes do governista Partido Popular (PP) e também da legenda opositora, o Partido Socialista (Psoe).

Juan Carlos, de 76 anos, é reconhecido por ter comandado a transição da Espanha para a democracia depois da ditadura de Francisco Franco, mas sua popularidade tem sofrido nos últimos tempos em razão de vários escândalos envolvendo a família real.

A expectativa agora é que o Senado também aprove a lei no dia 17 de junho, o que permitirá que Felipe, de 46 anos, seja declarado monarca dois dias depois. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhareirenúnciaParlamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.