Parlamento Europeu aprova regra para doação de órgãos

O Parlamento Europeu aprovou novas regras para a doação de tecidos e células, a fim de evitar o tráfico ilegal de órgãos, sangue e outras partes do corpo humano. Um dos principais itens da nova legislação, que ainda precisa da aprovação de cada um dos 15 governos da UE antes de entrar em vigor, obriga os membros da união a assegurar que a doação será feita de forma voluntária e gratuita. Segundo o deputado conservador alemão Peter Liese, responsável pela apresentação da proposta no Parlamento, esta cláusula deixará claro, pela primeira vez, que o pagamento por órgãos será considerado um crime na Europa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.