Parlamento iraniano ameaça retaliar resolução da ONU

O presidente do Parlamento iraniano disse no sábado, horas antes da aprovação de sanções pelo Conselho de Segurança, que o Parlamento irá mudar a relação do Irã com a agência nuclear das Nações Unidas AIEA se o Conselho de Segurança da ONU aprovar uma resolução contra o país. O Conselho de Segurança votou neste sábado uma resolução impondo sanções ao trabalho nuclear do Irã que o Ocidente suspeita ter como objetivo a produção de armas nucleares. O Irã afirma que seu programa nuclear é pacífico. "Se eles têm a intenção de privar a nação iraniana de seu direito à tecnologia nuclear com uma resolução...o Parlamento vai reconsiderar a natureza de seu relacionamento com a Agência Internacional de Energia Atômica", afirmou o presidente do Parlamento, Gholamali Haddadadel, à televisão estatal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.