Partido de Benazir nomeia vice-presidente como candidato

Makhdoom Amin Fahim concorrerá ao cargo de primeiro-ministro; filho de Benazir presidirá partido

EFE,

30 de dezembro de 2007 | 14h08

A direção do opositor Partido Popular do Paquistão (PPP) elegeu seu vice-presidente, Makhdoom Amin Fahim, como candidato a primeiro-ministro após as eleições de janeiro, informou neste domingo, 30, o viúvo de Benazir Bhutto, Asif Ali Zardari. Em entrevista coletiva na localidade de Naudero, onde o comitê central do PPP realizou sua primeira reunião após a morte de Benazir, Zardari assegurou que esse foi o desejo expressado pela própria ex-primeira-ministra em seu testamento político. O PPP elegeu hoje o filho de Bhutto e Zardari, Bilawal, como seu presidente, mas este compartilhará as funções com seu pai até que complete seus estudos em Oxford, como explicou na entrevista coletiva.

Tudo o que sabemos sobre:
Benazir Bhutto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.