Partido de premiê espanhol critica líder catalão

Fontes do Partido Popular, do primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, criticaram ontem o presidente regional da Catalunha, Artur Mas, por antecipar a eleição na região autônoma como forma de impulsionar seu projeto de independência. De acordo com o jornal espanhol El País, lideranças conservadoras acreditam que, diante do resultado de ontem, Mas fez "um papel ridículo" ao antecipar as eleições e conquistar menos cadeiras do que tinha no Parlamento regional. Rajoy, que se tornou primeiro-ministro no ano passado, acompanhou os resultados das eleições catalãs em Madri. / REUTERS

O Estado de S.Paulo

26 de novembro de 2012 | 02h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.