Partido do governo ganha eleições em Moçambique

O candidato do partido governista, Filipe Nyusi, ganhou a eleição presidencial em Moçambique com cerca de 57% dos votos. A Comissão Nacional de Eleições do país informou nesta sexta-feira que o líder do principal partido da oposição, Afonso Dhlakama, teve 36% dos votos e Daviz Simango, do Movimento Democrático de Moçambique, teve 7% por cento.

Estadão Conteúdo

24 de outubro de 2014 | 18h57

O resultado das eleições de 15 outubro na nação africana será ratificado pelo Tribunal Constitucional. Os dois líderes da oposição contestam a apuração, alegando irregularidades.

Nyusi é ministro da Defesa de Moçambique. Seu partido, a Frelimo, lutou na guerra civil contra o grupo de Dhlakama, conhecido como Renamo, principal partido de oposição atualmente. Os dois grupos assinaram um acordo de paz em 1992. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Moçambiqueeleiçõesresultado

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.