Partido Smer ganha eleições na Eslováquia

O partido opositor social-democrata "Smer" é o vencedor das eleições legislativas antecipadas realizadas este sábado na Eslováquia, após a apuração do 97,83% dos votos.O "Smer" de Robert Fico obteve 29,25% dos votos, segundo dados oficiais da Comissão Eleitoral Central divulgados na madrugada deste domingo.O segundo partido mais votado foi o governamental União democrata-cristã do primeiro-ministro Mikulas Dzurinda, com 18,13% dos votos. Cerca de 4,2 milhões de eslovacos foram convocados às urnas para escolher seus 150 representantes no Conselho Nacional, Parlamento unicameral com sede em Bratislava, e a participação foi avaliada em 54,19%.Essas eleições parlamentares, as primeiras após a entrada do país centro-europeu na União Européia (UE) e na Otan, indicam uma mudança de orientação sobre o caminho reformista empreendido na última legislatura pelo Executivo de coalizão formado por conservadores, democratas-cristãos, húngaros e liberais.Para isso, o Smer deverá conseguir uma aliança com outros partidos, já que não obteve a maioria necessária para governar sozinho, segundo os primeiros resultados da apuração.Os resultados preliminares confirmam também a saída do Parlamento dos comunistas e dos liberais da Aliança do Novo Cidadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.