Partido ultraconservador anuncia apoio ao governo Olmert

Um partido ultraconservador que defende a linha dura contra os árabes ingressará no governo do primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, anunciou nesta segunda-feira (23) o líder da agremiação.Analistas acreditam que a adesão do Yisrael Beitenu ao governo Olmert deverá dificultar ainda mais os precários esforços pela retomada das negociações de paz com os palestinos."Estamos aderindo ao governo", anunciou Avigdor Lieberman, líder do Yisrael Beteinu, depois de uma reunião com Olmert para fechar os detalhes do acordo de coalizão.O Yisrael Beiteinu tem 11 cadeiras no Parlamento, o que elevaria a 78 o número de deputados pertencentes à bancada governista na casa de 120 assentos.A ampliação de sua maioria daria a Olmert mais margem de manobra política, apesar das duras críticas à condução da guerra de 34 dias travada contra o grupo guerrilheiro pró-iraniano Hezbollah entre julho e agosto.Lieberman disse acreditar que o acordo de coalizão será assinado ainda nesta segunda-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.