Efe
Efe

Partido vencedor na Índia inicia busca por coalização

Faltam dez cadeiras para que Partido do Congresso controle maioria no parlamento indiano

AP,

17 de maio de 2009 | 15h06

O Partido do Congresso da Índia se reuniu neste domingo, 17, para iniciar a construção do governo de coalizão, um dia após a ampla vitória obtida nas eleições nacionais.

 

Veja também: 

lista Entenda as eleições que levaram 714 milhões às urnas na Índia

 

O número de votos obtidos pelo Partido do Congresso afastou o receio de que o país fosse governado por uma aliança instável. A frente liderada pelo Partido do Congresso alcançou 262 assentos de um total de 543, deixando-os a dez cadeiras da maioria.

 

"Estamos muito próximos do número mágico de 272", disse Rajiv Shukla, uma das lideranças partidária, à rede de televisão NDTV. "Não precisaremos dos partidos maiores". Ele salientou que nenhuma decisão já foi tomada.

 

A eleição também lançou as bases para que a próxima geração da dinastia Nehhru-Gandhi assuma a liderança no partido. Nos últimos meses pesquisas e analistas políticos previam que nenhum dos dois maiores partidos da Índia sairia da eleição como nítido vencedor, o que forçaria uma coalização enfraquecida que poderia deixar o vencedor sob dependência dos partidos menores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.